Aprender a escrever...

Aprender a escrever só se faz escrevendo. E só aprendemos bem aquilo que para nós tenha poesia.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Lema: Vou escrever sobre lições de vida que aprendi, esperando aprender mais.

É por isso que eu digo que preciso das minhas "redatoras"...e por isso que acho tosco a idéia que o povo tem de "calculo = inteligência".É sim, não posso negar...mas não é apenas os cálculos que deveriam ser sinônimo de inteligência, muitos deles não deveriam ser tão arrogantes por "serem bons nas exatas", por isso ou aquilo, como os outros bons nas humanas também não deveriam ficar nessa coisa toda, mas posso fazer o que se é assim?Nada. Sinceramente...dá um trabalhão heim fazer um livro. Não é nada fácil...o povo diz "termina logo isso", mas sabe que passa quase uma hora fazendo uma redação razoável. Imagina pesquisar/escrever/revisar/reler/escutar opiniões/conversar com amigos sobre. E conversando com uma das "redatoras" [ graças a Deus uma conversa bastante produtiva e breve], realmente percebi que a coisa não tem um "lema/lição central". Ele parece ter um monte de vários fragmentos. Que tal a lição central ser isso? "Você aprende um monte de lições na sua vida, e precisa usar cada uma delas pra continuar sobrevivendo e aprendendo mais coisas.". Tem muita gente que não gosta quando fazem isso, mas acho tão interessante receber "pitaco" na coisa...afinal, tou fazendo pra elas e por elas pra começo de história, então, precisa ser algo bom por mim e por elas, para que faça jus a cada uma delas que deu sua ajudinha sem nem perceber. Espero que eu ache uma boa "lição de moral" para ensinar no meio das coisas...e espero que elas me ajudem logo e continuem dando os "pitacos". Sore wa dake.[Nota pra mim: complementos nos comentários quando surgem, leia.]

2 comentários:

Dija, The Lupuosrikus Darkdija disse...

Bem... é assim que um aprendiz evolui, tentando, refazendo, errando. Espero que eu melhore essa questão. Já estou feliz por ter resolvido a dúvida do "cara, que coisa alienada...será que dá pra entender?". Já é um grande passo.

Dija, The Lupuosrikus Darkdija disse...

Vamos lá meter mais coisas...espero que eu ainda comente muito. Ideia: por as lições de moral em diálogos com as sacerdotisas, aquela velha coisa de anime/filme...nunca desistir de nada que voce queira, ou do que sonha...não ligar em ser diferente...preservar os laços com as pessoas importantes
*"aprender a amar"
*não subestimar seus inimigos ou as dificuldades
*aprender que também deve ensinar o que sabe...e que vc usa cada lição de vida já aprendida pra sobreviver e aprender outras...e isso é um ciclo...e ai entra depois da primeira parte a continuação...ele perguntaria o que a garota aprendeu, ela diz que a história não acabou e ela mesma começaria a contar a "continuação"

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...